Home Destaque Sense8 os Wachowski invadem o Netflix.

Sense8 os Wachowski invadem o Netflix.

sense8_header

Os irmãos Wachowski são conhecidos mundialmente por seu maior sucesso, o filme “Matrix”, esse filme não só explodiu as mentes dos espectadores, como também mudou a história do cinema, e até hoje influência várias obras.

185781732

Mas como nem tudo são flores, a filmografia dos Wachowski nunca mais conseguiu emplacar um outro filme do mesmo jeito que “Matrix” e tem inúmeros filmes irregulares. O seu mais recente filme “O Destino de Júpiter” é uma fantástica obra visual, porém no que diz respeito a roteiro e interpretações… entra na lista das decepções.

Mas em 8 de Junho os irmãos invadem uma outra plataforma e lançam no Netflix a série “Sense8” uma criação conjunta com o conhecido roteirista de Hqs J.Michael Straczynski .

Nessa série somos apresentados a 8 personagens que se localizam ao redor do mundo, e que por algum fator muito estranho passam a compartilhar uma conexão mental que desafia a própria razão. Além de dividir, conhecimentos, sentimentos e experiências, eles ainda precisam lidar com essa estranha nova realidade enquanto tentam levar suas vidas com seus próprios problemas pessoais.

sense8-cast (1)

Apesar de todos os anúncios focarem na estranha conexão que os participantes partilham, durante todo os episódios, a série mostra que é um drama sobre relações humanas. Os 8 personagens possuem backgrounds diversificados que lhes dão profundidade e de certa forma nos ajuda a ter empatia com cada um.

Desde a abertura fica claro o objetivo é discutir temas como a diversidade de gêneros e a riqueza de cada cultura. E para fazer isso, Sense8 conta com ótimos personagens, como a transgênero Nomi, o simbolo sexual e gay enrustido Lito, que trazem a discussão sobre sexualidade e gênero. Também traz a discussão o papel da mulher com a coreana Sun, uma mulher forte que sofre as agruras de uma sociedade machista e a rejeição do pai, e Kala uma linda indiana que se vê no dilema de casar com um homem que não ama por conta da sua cultura. Vemos a desigualdade social através dos olhos de Capheus, um jovem que vive a miséria de uma país subdesenvolvido (Quénia) enquanto tenta de todas as formas cuidar da mãe aidética e Riley uma talentosa DJ que se evolve num mundo de drogas enquanto foge de suas origens. E por fim temos o jovem Wolfgang, um criminoso alemão que vive atormentado pela sombra do pai e Will um policial americano que também tem a vida influenciada pelo pai.

Já deu pra notar que com todo essa riqueza de temas, o fato dos estranhos poderes, só serve como fio condutor pra abria a mente do espectador para a discussão sobre eles e logicamente garantir uma trama que garanta boas cenas de ação.

Pontos fortes da Série:

A trama que envolve Nomi é muito bem executada e nos mostra o que é ser um transgênero, os medos e desafios que ela enfrenta por causa de sua escolha.
– Os Wachowski , fazem algo incrível, em alguns episódios eles fazem os personagens compartilharem momentos poéticos, isso acontecem com uma música “What’s Going On?”, uma cena de sexo e durante uma apresentação musical.
Os diálogos são muito bem construídos e inúmeras vezes um personagem ajuda o outro a evoluir e lidar com seu drama pessoal sob outro ponto de vista.
As cenas de ação, são poucas, mas quando acontecem, bom tem o Selo “Wachowski” de qualidade e não desapontam.

sense_s1_035_h_2040.0

Pontos Fracos:
As cenas de sexo. Sim, eis uma coisa que pode incomodar, principalmente quem tem sensibilidade ao tema, em alguns momentos certas cenas  não acrescentavam a narrativa e parecem estar ali só pra lembrar que a série é para adultos.
Alguns clichês, podemos ver clichês como a “Donzela em perigo”, “o grande mal desconhecido” e alguns momentos Deus Ex-machina, como o personagem que aparece apenas pra dar um equipamento que falta para os personagens.
– Em vários momentos percebe-se o fantasma da série “Heroes” sobrevoando Sense8, além do fato de personagens se descobrirem com habilidades incomuns, temos o Vilão Mega perigoso que consegue rastreá-los e quer a todo custo destruí-los e a mega corporação maléfica.

A série termina com muitas tramas em aberto, o que pode ser muito bom caso haja uma segunda temporada, mas se não for confirmada, vai frustar muita gente (me incluo nessa lista).

Sense8 é uma ótima série e vale a pena assistir seus 12 episódios e descobrir toda a riqueza que ainda possui e que não foi abordada nesse texto. Esta é uma obra que vai pra lista de ” Sucessos” dos Wachowski.

Kleber Ivo designer e desenhista. Gosta de ler, desenhar, ouvir musica, tocar baixo/guitarra, cinema. séries e adora o mundo dos quadrinhos e afins.

ARTIGOS PARECIDOS