Home Colunas Anime na Manga Review Knights Of Sidonia – 1ª Temporada.

Review Knights Of Sidonia – 1ª Temporada.

knights-of-sidonia-3

Mais um série exclusiva da Netflix, dessa vez é um Anime.

Criado por Nihei Tsutomu em 2009, na revistas Kodansha e Afternoon, atualmente tem 13 Tankōbon (Compliados) lançados com o 14º programado para setembro de 2015.

A história se baseia na Nave interplanetária chamada Sidonia, uma das naves que fugiram da terra após o ataque de seres alienígenas chamados de Gaunas a destruíram.  A bordo de Sidonia o restantes da raça humana aprendeu e se adaptou a sua nova realidade, modificaram toda sua estrutura social, como também sua estrutura genética, fazendo uso de clonagem humana, engenharia biológica que os modifica ao ponto de não precisarem mais se alimentar diariamente, graças a habilidade de Fotossíntese.

sidonia-9

O Ataque das criaturas alienígenas a terra foi repentino e pouco conseguisse descobrir sobre a origem de tais seres, as poucas informações obtidas ao decorrer do anos de luta,, foi que os Gaunas são formados por algo que chamaram de placenta e que somente destruindo parte dela é possível expor o ponto fraco da espécie, o Núcleo.

Para combater esses seres a Sidonia desenvolveu um exército de mechas denominados Guardiões e eles se tornaram a principal arma de combate contra os Gaunas e para proteção de Sidonia. Os guardiões são alimentados por ” Particulas de Hyggs” o que os permitem se moverem e atacarem os Gaunas e mais afrente descobrimos que isso também os atrai. E juntamente com os Canhões de Partículas Hyggs eles usam uma lâmina especial chamada de Kabizashi, a única capas de destruir o núcleo do Gauna.

Esse é o background base do seriado e nele somos apresentados ao protagonista Nagate Tanikaze, um jovem que foi criado pelo avô nos subterrâneos da Sidônia, onde aprendeu a pilotar um dos modelos dos guardiões através de um simulador e que após a morte do avô, fazia incursões a superfície para roubar comida ( arroz). Numa dessas ocasiões Nagate é encontrado roubando arroz e acaba se ferindo e sendo aprisionado. E que num revés da história acaba sendo incorporado a acadêmia de formação de pilotos dos Guardiões. Nagate se revela em uma momento em que Sidonia vive uma aparente paz, decorrente de 100 anos sem ataque de um Gauna.

knights-of-sidonia

No início existe uma certa tentativa de trabalhar um pouco o tema preconceito, afinal Nagate além de ser um Subterrâneo, ainda tem o problema biológico de precisa se alimentar 3 vezes ao dia, de ser “fedido” e não fazer fotossíntese, o que gera boas piadas na temporada, vemos ai que Nagate é inferior ao habitantes da superfície de Sidonia, em compensação ele se mostra muito mais resistente, sofre vários acidentes ao decorrer da temporada mas recupera-se de todos, inclusive de uma parada cardiorrespiratória. Além disso após sua aparição, acontece o primeiro ataque Gauna após 100 anos, mas um motivo que leva as pessoas a acharem que ele tem algo a ver com isso. Apesar da tranquilidade vivida pelo povo de Sidonia, há habitantes que se manifestam contra o exército continuar ativo, chegando a acusar de a ameça Gauna ser uma farsa.

Vemos aqui várias tramas que poderiam ser abordadas e aprofundadas com o decorrer da temporada mas…

Além de Nagate a serie apresenta outros personagens, os primeiros que Nagate conhece são Norio Kunato e Shizuka Hoshijiro. Kanuto é um cadete promissor que tenta de todas as formas ser o melhor piloto da história de Sidonia. Hoshijiro é a primeira pessoa a ser simpática com Nagate e acaba despertando outros sentimentos nele.

Há também a Capitã Kobayashi, uma figura misteriosa que comanda a nave Sidonia e os guardiões, há tambem a enfermeira Lala, que bizarramente é um Urso Pardo com uma mão biônica, que é a principal cuidadora de Nagate. Temos as poligêmeas Irmãs Honoka, 22 Clones idênticas em aspecto mas diferentes de temperamento e que também pilotam Guardiões, delas se destacam Ren, Hou e Shou. E por fim a personagem que ao meu ver é a mais interessante, Shinatose Izana, ela é uma clone desprovida de gênero, nem menino, nem menina, seu corpo foi confeccionado para se adaptar ao companheiro que Izana escolher. Isso é um plot bem legal, pois em tempos que se falam tanto de diversidade, ter uma personagem que não precisa de gênero para se definir, mas que tem a liberdade para escolher esse gênero quando achar propício é muito bom pra história. Confesso que é minha personagem preferida. Ela é uma das poucas cadetes que não nutre nenhum tipo de preconceito por Nagate e acaba meio que sendo a Side Kick dele.

Knights of Sidonia não chega a ser uma série de Ficção Hard, pois apesar do seu background e subplots o foco da série é Nagate, o que ao meu ver, tirou um pouco do brilho da série. Havia mais aspectos a explorar em Nagate do que apenas sua adaptação ao mundo de Sidônia.

Muita gente compara Knights Of Sidonia com Evangelion, mas ele está mais próxima de Macross, principalmente por serem do gênero Space Opera. E como faz parte do gênero, há inúmeros clichês, desde o personagem misterioso que se prova o melhor no que faz, o Mentor que treina o heróis, a Donzela em Perigo, a Queda do Herói, estão todos presentes em KoS, mas o background consegue ser tão interessante que os clichês se encaixam e fazem a trama se tornar mais interessante.

Estranhamente, senti falta de mais episódios, os 12 apresentados poderiam ter mais uns 6 que focassem mais na história de Sidonia e dos Gaunas, pois o universo que a série apresenta é muito interessante.

A animação é 3D, o que no começo me causou muita estranheza, pois no começo foi difícil identificar quem era quem, já que a estilização dos personagens os deixaram muito parecidos.

Knights of Sidonia é uma ótima série pra se acompanhar, longe de ser um clássico, mas divertida e com personagens interessantes.

Kleber Ivo designer e desenhista. Gosta de ler, desenhar, ouvir musica, tocar baixo/guitarra, cinema. séries e adora o mundo dos quadrinhos e afins.